Como retirar o avental descartável

Como retirar o avental descartável?

A desparamentação é um dos procedimentos mais críticos para o profissional de saúde, pois constitui um momento de grande risco de infecção. Todo e qualquer procedimento de desparamentação deve ser realizado devagar, sem pressa, com respirações leves e com concentração. É também o momento que o profissional de saúde está mais cansado, e por isso, toda a atenção deve ser voltada para o procedimento, evitando distrações e conversas paralelas.

(i) Utilize um par de luvas novo (certifique-se que suas mãos estão higienizadas antes de colocar o novo par);

(ii) Remova o avental lentamente, minimizando a formação de aerossóis;

(iii) O avental dever ser retirado do avesso;

(iv) Após retirá-lo, mantenha-o afastado do corpo e enrole o avental que está do avesso lentamente;

(v) Descarte o avental no lixo infectante;

(vi) Remova as luvas conforme indicado e descarte as luvas em lixo infectante;

(vii) Higienize suas mãos com água e sabão ou álcool gel imediatamente após esse procedimento.

Figura 1. Demonstração de como o avental descartável deve ser removido. Utilize luvas, mesmo que não indicado nessa figura, pois o avental é um dos EPIs com maior potencial de contaminação. Fonte: Cartilha de colocação e remoção de equipamentos de proteção individual do Centro de Controle e prevenção de Doenças, EUA. CDC, sd.

Como colocar avental descartável

Como colocar o avental descartável?

(i) Certifique-se que suas mãos e antebraços estão higienizados;

(ii) Vista o avental sobre a roupa ou macacão e amarre-o na região do pescoço e na cintura.

Figura 1. Avental descartável bem fechado na região do pescoço, sem deixar o colo ou ombros expostos, e amarrado na cintura.

Avental descartável

O avental descartável deve cobrir a região do colo, peito e braços do usuário, com fecho na região das costas. Certifique-se de utilizar o avental de tamanho adequado para que o mesmo não deixe parte do ombro ou colo exposto. O avental serve para proteger as roupas do operador contra respingos e aerossóis com potencial infeccioso. Ele também serve como uma primeira barreira, que poderá ser utilizada acima do macacão e retirada antes da desparamentação completa, diminuindo assim o risco de infecção durante a desparamentação. O avental é de uso único, individual, descartável, não podendo ser reutilizado. Existem aventais que são autoclaváveis e então, poderão ser reutilizados após autoclavagem e higienização. Recomenda-se a utilização de aventais impermeáveis para procedimentos em que o profissional possa se molhar, como banhos de pacientes, trocas de fraldas, entre outros.

Figura 1. Avental descartável bem fechado na região do pescoço, sem deixar o colo ou ombros expostos e amarrado na cintura.

Como colocar o avental descartável?

(I) Certifique-se que suas mãos e antebraços estão higienizados;

(II) Vista o avental sobre a roupa ou macacão e amarre-o na região do pescoço e na cintura.

Como retirar o avental descartável?

A desparamentação é um dos procedimentos mais críticos para o profissional de saúde, pois constitui um momento de grande risco de infecção. Todo e qualquer procedimento de desparamentação deve ser realizado devagar, sem pressa, com respirações leves e com concentração. É também o momento que o profissional de saúde está mais cansado, e por isso, toda a atenção deve ser voltada para o procedimento, evitando distrações e conversas paralelas.

(I) Utilize um par de luvas novo (certifique-se que suas mãos estão higienizadas antes de colocar o novo par);

(II) Remova o avental lentamente, minimizando a formação de aerossóis;

(III) O avental dever ser retirado do avesso;

(IV) Após retirá-lo, mantenha-o afastado do corpo e enrole o avental que está do avesso lentamente;

(V) Descarte o avental no lixo infectante;

(VI) Remova as luvas conforme indicado e descarte as luvas em lixo infectante;

(VII) Higienize suas mãos com água e sabão ou álcool gel imediatamente após esse procedimento.

Figura 2. Demonstração de como o avental descartável deve ser removido. Utilize luvas, mesmo que não indicado nessa figura, pois o avental é um dos EPIs com maior potencial de contaminação. Fonte: Cartilha de colocação e remoção de equipamentos de proteção individual do Centro de Controle e prevenção de Doenças, EUA. CDC, sd.